Padres, freiras e fiéis são sequestrados e igreja é incendiada em Camarões
22/09/2022 13:59 em Novidades

Homens armados sequestraram cinco padres, uma freira e dois fiéis depois de incendiar uma igreja católica no oeste de Camarões. A região é palco de um sangrento conflito entre separatistas anglófonos e o governo do país há vários anos.

Aqueles que foram sequestrados da Igreja de Santa Maria na cidade de Nchang permaneceram desaparecidos na terça-feira, segundo a AFP citou os bispos da província eclesiástica de Bamenda ao expressarem seu “choque e horror absoluto”.

O arcebispo Andrew Nkea disse que os sequestradores não deram “nenhuma razão concreta” para o ataque da última sexta-feira.

Os bispos disseram que “condenam veementemente todos esses ataques contra a Igreja e seus ministros” e apelaram “àqueles que levaram os padres, a freira e os cristãos em Nchang para libertá-los sem mais demora”, informou a Catholic News Agency (CNA) .

“Insistimos nisso porque este ato já ultrapassou a linha vermelha e devemos dizer que ‘basta’”, acrescentaram. “Uma onda de perseguições contra a hierarquia da igreja é agora o novo jogo da ‘luta’, e todos os tipos de mensagens de ameaça são enviadas contra missionários que entregaram suas vidas para trabalhar pelo povo.”

As forças de segurança de Camarões têm lutado contra grupos rebeldes que buscam a independência das partes noroeste e sudoeste do país, também conhecidas como região anglófona, para criar um novo país, Ambazonia. O francês é falado em outras partes do país.

 

Cerca de dois terços da população de Camarões é cristã e muçulmana constituem cerca de 30%.

Grupos separatistas armados surgiram em 2017 depois que o governo reprimiu os protestos. O presidente de Camarões, Paul Biya, chamou os grupos de “terroristas”.

O conflito matou milhares e deslocou até 500.000 desde 2014, disse o CNA, observando que em 6 de setembro, supostos militantes separatistas abriram fogo contra um ônibus em Muyuka, matando pelo menos seis civis.

Em sua declaração, os bispos disseram que os atacantes têm cada vez mais como alvo a Igreja Católica, juntamente com as igrejas presbiteriana e batista.

Em fevereiro passado, as forças de defesa do país foram acusadas de matar pelo menos 32 pessoas, incluindo uma mulher grávida e 14 crianças, na região de língua inglesa de Camarões.

“Condenamos abertamente o assassinato de crianças, mulheres e toda a família em Ngarbuh – Ntumbaw. Denunciamos igualmente o ato ímpio de queimar uma casa de culto do PCC em Mbufung – Bali”, o Rt. Rev. Fonki Samuel Forba, moderador da Igreja Presbiteriana em Camarões, disse em um comunicado na época, de acordo com Camarões -Info.Net , que apontou para o papel das forças de defesa e segurança.

 
 

 

Folha Gospel com informações de The Christian Post

COMENTÁRIOS
https://public-rf-upload.minhawebradio.net/95992/slider/9b31b83623f722f082de9a3025910a5b.png
https://public-rf-upload.minhawebradio.net/95992/slider/c9323b9a09cfa09fbb9f1f5f8bc3be6f.png
https://public-rf-upload.minhawebradio.net/95992/slider/4fc59d2b825e9db1c84e6a87c3d0e0dd.png
https://public-rf-upload.minhawebradio.net/95992/slider/f997d8f0c01b78fc84bdfa19ca8c4c08.png
https://public-rf-upload.minhawebradio.net/95992/slider/bc39844fce7b3a6e7725e06fb38ecef6.png
https://public-rf-upload.minhawebradio.net/95992/slider/f877f4d856debda9c7b945f195936952.png
https://public-rf-upload.minhawebradio.net/95992/slider/1e30d0ed754858bb5d023f42d19b452e.png
https://public-rf-upload.minhawebradio.net/95992/slider/da9ac842a8d9c73c222c03eb4baa1c72.png
https://public-rf-upload.minhawebradio.net/95992/slider/4e56677df14aadce020b9f4fd0b03186.jpg
https://public-rf-upload.minhawebradio.net/95992/slider/b394cd8348bf39d31768dee06b724204.png