Arqueólogo encontra onde os romanos romperam as muralhas de Jerusalém
10/08/2022 09:16 em Tecnologia

Pesquisador da Autoridade de Antiguidades de Israel encontrou o local da artilharia romana e por onde invadiram Jerusalém.

O local exato do ataque do Exército romano a Jerusalém pode ter sido encontrado por evidências arqueológicas e cálculos feitos pela Autoridade de Antiguidades de Israel.

As descobertas foram feitas durante o Tishá BeAv, um dia de jejum no qual os judeus lamentam a destruição do Primeiro e Segundo Templo de Jerusalém.

O Império Romano era a superpotência do mundo antigo e seu exército era altamente preparado — fortes em número, táticas, inovação e armamentos. Na época de Jesus, Jerusalém já era dominada por Roma, mas muitos judeus não aceitavam estar debaixo do domínio no império.

Em 66 d.C, uma revolta judaica eclodiu contra Roma, na época governada pelo imperador Nero. O imperador então enviou legiões romanas, lideradas pelo general Vespasiano, para reprimir esta revolta.

A revolta durou vários anos e terminou com a queda de Massada, em 73-74 d.C. Mas a batalha mais significativa foi o Cerco de Jerusalém, em 70 d.C. 

Isso começou após uma breve pausa no conflito, causada pela morte do imperador Nero. Vespasiano se tornou o novo imperador de Roma, enquanto seu filho, Tito, ficou no comando das legiões. Ele foi enviado para sitiar Jerusalém e, após um cerco de quase cinco meses, invadiu a cidade e destruiu o Segundo Templo.

Como o exército romano destruiu o Templo?

Essa pergunta foi respondida pelo pesquisador da Autoridade de Antiguidades de Israel, Kfir Arbiv. 

As últimas escavações arqueológicas encontraram diversos equipamentos militares romanos em Jerusalém, entre eles lanças, espadas e pedras balistas. Arbiv chamou a atenção para o último ponto: as pedras balistas.


Destruição de Jerusalém pelos romanos sob o comando de Tito. (Foto: David Roberts/Wikimedia Commons)

A balista era uma máquina de guerra que disparava grandes dardos ou pedras, que também podia ser usada para derrubar fortificações e atacar soldados. Isso se alinha com o Cerco de Jerusalém e as pedras balistas encontradas na cidade.

Grande parte da batalha foi descrita pelo famoso historiador judeu, Josefo, em sua obra A História da Guerra Judaica contra os Romanos. Com as informações de Josefo e suas descobertas, Arbiv calculou de onde as pedras balistas podem ter sido disparadas.

Em uma complexa série de cálculos, que abrange os ângulos, alcances e a topografia local, Arbiv conseguiu descobrir duas coisas: onde estava localizada a artilharia romana e onde os romanos provavelmente conseguiram invadir a cidade.

Onde os romanos romperam as muralhas de Jerusalém?

O arqueólogo acredita que a artilharia estava posicionada onde hoje fica a Praça do Gato, ao redor do centro da Jerusalém moderna.

Já o local de invasão da cidade é provavelmente o Complexo Russo, uma região no bairro cristão ortodoxo de Jerusalém, chamada também de complexo de Alexandre.

O próprio Josefo parecia ter indicado o mesmo local, já que seus escritos afirmam que os romanos romperam as muralhas no noroeste da cidade.

“Quem controla este local, domina toda a área e o destino da cidade”, explicou Arbiv.

Para o diretor da Autoridade de Antiguidades de Israel, Eli Eskosido, as descobertas são importantes para ajudar a validar ainda mais os registros do Cerco de Jerusalém.

“Apesar das divisões internas e das probabilidades impossíveis, um pequeno grupo de judeus conseguiu deter os romanos por alguns meses até a trágica destruição da cidade. O uso de métodos de pesquisa atualizados revela cada vez mais sobre a fascinante história de Jerusalém”, observou.

COMENTÁRIOS
https://public-rf-upload.minhawebradio.net/95992/slider/9b31b83623f722f082de9a3025910a5b.png
https://public-rf-upload.minhawebradio.net/95992/slider/c9323b9a09cfa09fbb9f1f5f8bc3be6f.png
https://public-rf-upload.minhawebradio.net/95992/slider/4fc59d2b825e9db1c84e6a87c3d0e0dd.png
https://public-rf-upload.minhawebradio.net/95992/slider/f997d8f0c01b78fc84bdfa19ca8c4c08.png
https://public-rf-upload.minhawebradio.net/95992/slider/bc39844fce7b3a6e7725e06fb38ecef6.png
https://public-rf-upload.minhawebradio.net/95992/slider/f877f4d856debda9c7b945f195936952.png
https://public-rf-upload.minhawebradio.net/95992/slider/1e30d0ed754858bb5d023f42d19b452e.png
https://public-rf-upload.minhawebradio.net/95992/slider/da9ac842a8d9c73c222c03eb4baa1c72.png
https://public-rf-upload.minhawebradio.net/95992/slider/4e56677df14aadce020b9f4fd0b03186.jpg
https://public-rf-upload.minhawebradio.net/95992/slider/b394cd8348bf39d31768dee06b724204.png